• .

Alimentos zero gordura e light devem fazer parte de nossa alimentação?

Atualizado: Jul 28

Ao andarmos pelos supermercados e lojinhas de produtos naturais, encontramos vários alimentos processados e ultraprocessados em versões light e zero. Parece um paraíso, certo? Infelizmente não é bem assim que a coisa funciona…


Primeiro, vamos entender o significado dos termos light e zero:


LIGHT

O alimento light é aquele que quando comparado ao seu produto similar, tem uma redução de no mínimo 25% de algum nutriente, seja das calorias, do açúcar, das gorduras totais, gorduras saturadas, do colesterol ou do sódio.


ZERO

O termo “zero” é equivalente aos termos “sem”, “livre”, “não contém” ou “isento”. Estes termos são utilizados para indicar a ausência de algum nutriente quando comparado aos produtos similares.


Opções com menos ou nenhum(a) caloria, açúcar, gordura parecem extremamente atrativas, porém existem uma série de motivos para repensarmos o seu consumo:


  • Os termos light e zero são considerados informações nutricionais complementares, ou seja, os fabricantes escolhem se eles querem ou não colocar aquela informação no rótulo dos seus produtos. Como eles não são bobos nem nada, eles colocam! Para os fabricantes é interessante colocar essa informação no rótulo, uma vez que trará a falsa sensação para o indivíduo de estar consumindo um alimento mais saudável. Entretanto, muitos destes produtos, mesmo com a redução de algum nutriente, continuam sendo ultraprocessados, contendo ingredientes de uso industrial prejudiciais à saúde.


  • Atualmente há um medo geral da gordura: medo de engordar, medo de prejudicar a saúde, de aumentar o colesterol... Porém, consumir gordura é fundamental para o funcionamento do nosso organismo, em que ela nos auxilia a absorver vitaminas D, A, E e K, que são importantes para sintetizar hormônios e estruturas celulares. Além disso,ela também é importante para nos dar saciedade. Quando consumimos um alimento sem gorduras, a digestão acontece mais rapidamente e com isso sentimos fome mais rápido.


  • As gorduras atuam nos alimentos conferindo sabor e textura. Quando a indústria retira este componente dos alimentos, ela adiciona açúcares, amidos, espessantes, adoçante e corantes, evitando assim, que o alimento perca suas características. Resumindo, tira o sabor, mas coloca vários ingredientes industriais que prejudicam a nossa saúde…

Para ilustrar como se apegar simplesmente ao apelo de Light e Diet dos rótulos pode acabar nos enganando, trouxemos um exemplo da página do instagram do aplicativo Desrotulando (já falamos sobre ele aqui) que mostra um molho shoyu tradicional e um light:

O molho shoyu tradicional tem 616 mg de sódio em 1 colher de sopa, enquanto que o light tem 327 mg de sódio, uma redução de quase 50%. Porém, se olharmos outros detalhes da rotulagem, como a lista de ingredientes, iremos nos surpreender com a quantidade de ingredientes que o molho shoyu light apresenta.


Muito mais do que ter medo dos alimentos convencionais e utilizarmos versões light e zero, precisamos trabalhar a nossa relação com o nosso corpo e a comida, a nossa sensação de fome e saciedade, resgatar o hábito de cozinhar, e promover a nossa autonomia quanto às nossas escolhas alimentares. Até porque não adianta por exemplo,na tentativa de se sentir menos culpada, consumir um alimento light, mas comê-lo em grandes quantidades durante um episódio de um comer emocional.


Agora que você já sabe disso tudo, da próxima vez que você for ao mercado, caso você não tenha nenhuma condição especial de saúde que seja necessário retirar a gordura da sua alimentação, prefira os alimentos em sua versão original. Eles terão mais sabor sem a inserção de tantos aditivos alimentares. Além disso, prefira sempre os alimentos in natura ou minimamente processados, e evite consumir alimentos processados e ultraprocessados.


OBS: já fizemos um post sobre recomendações de uma alimentação saudável, de acordo com o nível de processamento dos alimentos, com base no novo Guia Alimentar para a População Brasileira, e outro post com orientações para facilitar o processo de leitura de rótulos. Caso ainda tenha dúvidas sobre esses assuntos vale a pena conferir estes posts.


Créditos das imagens

Imagem 1 - adaptada de Freepik

Imagem 2 - @desrotulando







4 visualizações

Atendimentos em

Brasília - DF

Rio de Janeiro - RJ

Os atendimentos estão sendo online em virtude da pandemia

Redes sociais

  • insta
  • Sem Título-1